quinta-feira, 16 de dezembro de 2010

transFLORmar-la: Depois da tempestade

transFLORmar-la: Depois da tempestade: "Foto: RafaelaTalvez ele não saiba que aquela dor que ele causou, calou os olhos dela violentamente por uns tempos.Isso não é crime, é carma:..."

Nenhum comentário:

Postar um comentário